segunda-feira, 24 de agosto de 2015

Projeto Esperança

Um dia eu estava assistindo uns clipes do Justin Bieber e vi uma visita dele a umas crianças que estavam no hospital porque tinham câncer. Quase chorei, mas naquele momento eu tive a vontade de fazer a mesma coisa. Comentei com meus pais o que eu estava com vontade de fazer. No começo eu queria doar meus cabelos para fazer perucas para as meninas que perderam seus cabelos devido ao tratamento, mas meus cabelos são curto para isso.
Um dia meus pais me levaram ao Hemocentro Regional de Uberlândia, fomos recebidos pela Ludmilla que é a coordenadora, a qual me mostrou toda a dinâmica do Hemocentro.
Saí de lá determinada a fazer alguma coisa para ajudar pessoas, não importa como.
Deus viu o desejo do meu coração e começou a colocar coisas na minha frente. Do nada apareceram pessoas oferecendo cadeiras de rodas pra doar, já estava com quatro, sendo duas de rodas e duas de banho, sem saber como. Então comecei a divulgar meu projeto e de repente meu telefone começou  a tocar, eram pessoas precisando de cadeiras de rodas. Três delas já estão emprestadas, agora só tenho uma de banho aqui em casa pra emprestar.
Ainda não fui ao Hospital do Câncer, mas pretendo ir em breve.
Quero ainda este ano programar o dia D. Conseguir o máximo de pessoas possíveis para ir aom Hemocentro doar sangue.
Para o dia das crianças, pretendo conseguir brinquedos novos ou usados para doar para crianças carentes do meu bairro, quero começar no meu bairro, pois é uma realidade que eu conheço e quem sabe, se Deus quiser, aumentar a distribuição para outros bairros.










2 comentários:

  1. Que Deus te abençoe, querida, para que seus desejos se realizem e que sejam para honra e glória do Senhor!! Beijinho da mamãe!!

    ResponderExcluir
  2. Olá Clara Luz, voce é uma menina muito linda e abencoada por Deus! Rogo para que ele continue lhe abencoando, guiando e inspirando para poder continuar a sua missao de amor ao próximo, Deus abencoe também aos seus pais e familiares :)

    ResponderExcluir